Inteligência empresarial: o que é e como aplicar na sua empresa?

Inteligência empresarial

Se você está lendo este post, é provável que queira melhorar a produtividade da empresa. Nessa linha, a inteligência empresarial é um ponto-chave, já que só é possível otimizar um processo quando sabemos o que melhorar. É preciso ter conhecimento e saber aplicá-lo a cada cenário.

Assim, em resumo, inteligência empresarial é um conjunto de técnicas que unem o tripé conhecimento, inovação e empreendimento. Então, continue lendo para entender o porquê!

Inteligência empresarial

Inteligência empresarial: perguntas certas, respostas eficazes

Falamos acima que conhecimento é um dos pilares da inteligência empresarial. Sem dúvida, isso se dá por ser necessário, de fato, conhecer o contexto do negócio de forma integral para tomar decisões. Ou seja, é um ciclo:

  1. A empresa tem metas e questões em aberto
  2. É preciso coletar dados para acompanhar o ritmo das metas
  3. Todos os dados passam por análise atenta
  4. As melhores decisões são tomadas, embasadas nas análises, para que o empreendimento atinja as metas

Esse processo faz parte das estratégias da inteligência empresarial. Pode parecer uma linha reta, mas, na realidade, a complexidade (e a beleza!) do ciclo mora nas perguntas que se relacionam e se cruzam ao longo das análises. Afinal, para inovar, é preciso entender e questionar – inclusive os dados.

Uma empresa inteligente é mais produtiva e lucrativa que empresas sem foco claro. Aliás, é esse o propósito de todo CNPJ, não é? Caminhar numa direção certeira para atingir objetivos, contribuir com seu público-alvo e crescer.

Leia também: Inteligência artificial para investimento em mídia: conheça o Mídia Mix Modeling

Como ter uma empresa inteligente?

O primeiro passo é ter noção clara do seu negócio, do mercado e do público-alvo. A saber, essa etapa está ligada ao seu planejamento estratégico.

A coleta de dados é frequente, e não podemos esquecer que informações mudam. Conforme a empresa atua, novos dados surgem e se atualizam, ainda mais em um contexto digital. Assim, uma empresa inteligente se mantém ativa e organizada.

Vale destacar que inteligência empresarial não é sinônimo de acúmulo de dados. Desse modo, saber filtrar e aplicar as informações é o que diferencia empresas inteligentes de empresas que caminham sem um norte claro.

Dessa forma, os pontos positivos são vários:

  • saber onde investir para atingir mais clientes;
  • conhecer qual é o perfil de clientes mais lucrativos;
  • melhorar o relacionamento com os stakeholders;
  • acompanhar e ter visão dos resultados;
  • avaliar e prevenir riscos;
  • ver oportunidades e saber como aproveitá-las;
  • visão de como ampliar horizontes pela empresa;
  • tomar decisões que levem a empresa até o destino.

Conte com a NR Lidera e tenha uma empresa inteligente

Somos guiados por uma certeza:

não podemos aceitar o acaso. Tudo tem um quê, um como e um porquê. Uma análise de dados sempre sustenta melhores decisões“.

Nosso propósito é guiar empresas, com base em dados, rumo a um objetivo concreto. Para conhecer mais, entre em contato conosco!

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Veja outros textos